RODAS ESPORTIVAS
Para você que almeja mudar a cara de seu automóvel, adquira as rodas esportivas são a melhor pedida.

Bem, utilizar um Jogo de rodas é uma prática bastante comum entre os apaixonados por carros, pois as rodas de liga leve, assim como os pneus de perfil baixo, ajudam a compor o visual. Mas, será que tais modificações trazem benefícios proporcionais ao investimento realizado? Ou será que estas alterações possuem apenas o caráter de maquiar o veículo com um ar mais esportivo?

É bom ficar esperto, pois antes de oferecer um toque de esportividade, a substituição das rodas pode alterar o comportamento dinâmico do carro, comprometer a estabilidade em curvas, e até mesmo aumentar o consumo de combustível. Por isso é bom prestar bastante atenção nas dimensões, Off-Set, furação e tipo de pneu utilizado.

Quando trocamos as rodas originais do carro, optamos normalmente por aros maiores, o que dá um efeito mais esportivo por preencher melhor o arco do paralamas. Passamos de aro de 14 ou 15 polegadas para mediadas de 17, 18 ou até 19 polegadas. Mas posso garantir que os benefícios são puramente estéticos.

O real motivo que leva um carro esportivo a utilizar rodas de liga leve de grandes dimensões é a possibilidade de utilização de discos de freios maiores, o que ajuda na dissipação de calor, elevando assim, a capacidade de frenagem do carro. O mesmo efeito, porém não será percebido em um carro de rua.

Rodas maiores são com certeza mais bonitas, mas os benefícios, como vimos, praticamente inexistem. Quando montados com pneus de perfil baixo garantem uma melhora na dirigibilidade do carro, ainda que sob o custo de um pouco de desconforto.

Então, se você gosta de personalizar seus carros com rodas esportivas, tudo bem, muitas vezes até podem valorizar o carro. Mas não espere mais das rodas grandes que um ar um pouco mais esportivo.

Rodas esportivas, só dentro da lei !

Um dos itens preferidos para os apaixonados em personalizar o carro são as rodas. Trocar as rodas originais por esportivas é uma prática muito comum entre os aficionados por carros. O Código de Trânsito Brasileiro, especificamente no Art.98, diz que nenhum proprietário ou responsável pode, sem prévia autorização da autoridade, fazer modificações das características vindas de fábrica.

No CTB também diz que é proibido o diâmetro das rodas ultrapassarem os limites externos dos para-lamas do veículo. Já no Artigo 8 da resolução 292 do Denatran a regra é mais específica: tanto aumentar quanto diminuir o diâmetro externo do conjunto roda/pneu são práticas proibidas. Para esclarecer estas questões, a Ituran preparou um post sobre rodas esportivas! Leia o post completo!

Antes de qualquer alteração no seu carro, consulte o manual do veículo. Nele, vem definido pelo fabricante o limite do tamanho das rodas que o modelo pode receber. Entre rodas de aço com calota ou rodas de liga leve, a diferença é apenas no peso. É preciso ficar atento também ao diâmetro externo da roda e do pneu e a descrição de serviço do pneu, indicados pelo índice de carga e também pelo símbolo de velocidade.

Após a troca das rodas e pneus, faça o balanceamento e alinhamento, pois eles garantem o equilíbrio do conjunto pneu/roda e regulam as posições das rodas – respectivamente – fazendo com que se mantenha a segurança e a estabilidade ao dirigir.

Se você deseja aumentar o tamanho do aro, o seu pneu deverá ser menor. E ter um pneu menor apresenta menos absorção dos impactos. O importante para não infringir a lei, é saber que o diâmetro da roda não pode ser alterado. Pois, não respeitar esta regra, é infração grave. O motorista perde cinco pontos na carteira, paga multa e pode ter o carro retido.

Nunca utilize uma roda ou pneu recuperado, pois eles não garantem a segurança necessária para o veículo e os passageiros. Sempre procure uma loja especializada, com garantia e orientação técnica. Se você seguir as orientações do fabricante, não haverá problemas na troca e nem no consumo de combustível.

Conheça um pouco mais sobre rodas esportivas

“O Mundo é uma roda”, diz o sábio. “Mas de que adianta uma roda se ela não é de liga leve?“– complementa o tunneiro. Pois é, mesmo após 5.500 anos, a maior invenção da história continua despertando paixões. Desde os mesopotâmeos até os dias de hoje, a roda evoluiu, se modernizou, passando da madeira ao aço, chegando as ligas metálicas atuais.

A escolha por materiais cada vez mais leves tem um objetivo muito mais nobre que a simples estética. O conceito é reduzir ao máximo o peso do conjunto pneu/roda, otimizando assim o trabalho da suspensão. É que quanto mais leve a roda, menor o esforço realizado pela suspensão para manter os pneus sempre em contato com o solo, favorecendo a dirigibilidade.

Mas não é só a suspensão que é beneficiada, o sistema de freios também é favorecido pela utilização de metais nobres. É que esse tipo de material dissipa melhor o calor gerado durante uma frenagem, aumentando a eficiência dos freios.

Mas, assim como as modelos de passarela, a magreza tem um preço. Rodas muito leves tornam-se frágeis e quebradiças. Por isso, não são utilizadas rodas compostas de um único metal, mas sim, faz-se uso de um metal base, como alumínio, associado a alguns metais que garantam propriedades que o metal base não possui, como boa resistência a impactos, por exemplo. Para isso, são utilizados materiais como cromo, níquel, molibidênio e magnésio que adicionados ao metal base forma uma liga metálica leve, resistente e durável.

Mas a busca por rodas mais leves, quase anoréxicas, não pára por aí. A forma como são produzidas garantem resistência associado ao baixo peso. O processo mecânico que tem sido bastante utilizado é a forja, que associa calor e pressão na confecção das jantes de liga leve. A vantagem em relação as rodas fundidas, no qual o metal é liquefeito e depois é resfriado numa forma, é que a forja elimina bolhas internas, tornando a estrutura mais densa e resistente. Por isso, se suas economias permitirem, compre a roda forjada.

Mas não pense que para desfrutar de todos os benefícios apresentado é só chegar numa loja de acessórios e comprar o melhor jogo de rodas esportivas que sua conta bancária pode pagar. É bom ficar esperto, pois antes de oferecer um toque de esportividade, a substituição das rodas pode alterar o comportamento dinâmico do carro, comprometer a estabilidade em curvas, e até mesmo aumentar o consumo de combustível. Por isso é bom prestar bastante atenção nas dimensões, Off-Set, furação e tipo de pneu utilizado.

Quando trocamos as rodas originais do carro, optamos normalmente por aros maiores, o que dá um efeito mais esportivo por preencher melhor o arco do paralamas. Passamos de aro de 14 ou 15 polegadas para mediadas de 17, 18 ou até 19 polegadas. mas é garantido que os benefícios são puramente estéticos.

O real motivo que leva um carro esportivo a utilizar rodas de liga leve de grandes dimensões é a possibilidade de utilização de discos de freios maiores, o que ajuda na dissipação de calor, elevando assim, a capacidade de frenagem do carro. O mesmo efeito, porém não será percebido em um carro de rua.

Rodas maiores são com certeza mais bonitas, mas os benefícios, como vimos, praticamente inexistem. Quando montados com pneus de perfil baixo garantem uma melhora na dirigibilidade do carro, ainda que sob o custo de um pouco de desconforto.

Então, se você gosta de personalizar seus carros com rodas esportivas, tudo bem, muitas vezes até podem valorizar o carro. Mas não espere mais das rodas grandes que um ar um pouco mais esportivo.

AS MELHORES MARCAS DE RODAS ESPORTIVAS

American Racing:  As melhores para Hot Rods junto com as Foose, são voltadas para esse mercado, mas tem pra todos os modelos também. as rodas American Racing tem variedade incrível e ainda podem ser encomendadas nas medidas desejadas, escolhendo-se até mesmo o offset da roda, já o preço..

BBS: Mais esportivas, as BBS são muito usadas no automobilismo profissional (na F1, por exemplo, repare nas rodinhas, são BBS), e são apreciadas pela esportividade, mas, na minha opinião, pecam no design repetitivo, mas gosto é quem nem bunda, não? cada um tem a sua..
DUB:  Depois de ditar um estilo, ter uma revista de sucesso, ainda lançam uma marca de rodas voltada, claro, para o DUB (gênio!!!), as rodas DUB tem uma forte inclinação para carros grandes, como SUVs e sedão (Surpresa!! DUB!!), priorizando o estilo à esportividade, como a despirocada roda Blessinem..

Enkei:  Assim como a BBS, tem rodas mais esportivas, porém com bom design, as Enkei dão prioridade à esportividade e ao desempenho, não ligando muito para o estilo, são as preferidas dos Drifters, principalmente as de alumínio forjado..

Foose: Dispensa apresentações, mas vamos lá… quem assiste Overhaulin’ as conhece, Chip Foose sempre usa elas nos seus projetos (óbvio), do mesmo jeito, elas são mais voltadas para os Hot Rods (tendência do Foose), sendo obra do mestre Chip Foose, elas aliam tanto design, estilo e esportividade, escolha o seu e boa sorte com seu tuning..
HD: Outra marca que mescla tanto rodas de DUB quanto de extreme, tem para todos os gostos, de cromadas a liga leve, de enfeitadas a rodas estrela simples..

HP Design:  Alia estilo e esportividade, pois muitas rodas parecem rodas esportivas cromadas, o que é excelente no tuning extreme. rodas estrela cromadas predominam, mas há material para DUB também..

König: Segue uma linha parecida com a Enkei e a BBS, preza bastante a esportividade, com vários modelos de liga leve que são mais indicados para tuning extreme ou Drift..

MOMO: A italiana MOMO já é uma marca antiga de acessórios automotivos, e, por isso, sempre foi respeitada, mais voltada para a parte esportiva também (é difícil ver uma roda cromada da MOMO, mas suas rodas de liga leve são uma das melhores), tem vários modelos que transpiram esportividade, isso pode ser visto até mesmo no site da empresa, com diversas campanhas mais cinematográficas que as da Nike..

TIS: Uma das mais badaladas marcas do (e da) DUB, a TIS tem rodas que parecem ter sido feitas para Hummers, Chryslers 300C, Escalades e outros gigantes do segmento. o estilo aqui é prioridade total, por isso, rodas gigantes, cromadas e cheias de detalhes predominam. detalhe: no centro das rodas da TIS sempre vai escrito o tamanho do aro (o que evita aqueles chutes sobre o tamanho que a galera vive dando quando vê)..

TSW: Marca conhecida dos Brasileiros, é uma marca muito boa, mas infelizmente ficou extremamente batida no tuning nacional devido a falta de criatividade dos tuneiros daqui, que usaram as TSWs Pace, Blink, Drift e Reflex até dizer chega. apesar disso, a marca tem uma porrada de opções, várias muito boas, vale a pena conferir.
©2017 Rodas Esportivas | by karllus Design